E assim segue a vida...

quinta-feira, março 24, 2011

 Havia planejado um post especial para hoje pelo menos pra mim é, vou deixar pra amanhã mas o que pode ser mais especial do que passar um tempo agradável com as pessoas que você ama [?] 

 Hoje o dia foi um saco! Sabe quando você espera que alguém surja e te dê um tiro só para não ter que continuar com aquele dia? Pois é!
 Fui tirar minha carteira de trabalho com meu pai. Saí de casa antes das 8:00 o que pra mim já é ruim por sí só fui até um bairro horrível onde ficava o orgão para tirar a tal carteira. Chegando lá descobri que era preciso pegar senha para tirar o documento. E só foram distrinuídas vinte e poucas senhas!
 Já bem contrariada, mas decidida a resolver o assunto ainda hoje, me dirigi até o centro da cidade para tentar tirar a documentação em outro lugar.
 Felizmente neste lugar não era preciso pegar senhas. Só que, qual não foi minha surpresa, quando cheguei lá e a atendente disse que minha identidade estava vencida e que não poderia usá-la para tirar o documento! 
 Por MUITA sorte eu tinha comigo a certidão de nascimento e poderia resolver tudo com ela, inclusie renovar a identidade!
 POR QUE?! POR QUE?! POR QUE?!
 Tirar a carteira de trabalho foi super rápido, nem 20 min de demora. Me sentindo com sorte fui eu para a fila da identidade. Lá é que foi o Inferno!
 Um monte de mães tentando tirar identidade para CRIANÇAS! Para quem não sabe já se pode ter identidade e CPF em qualquer idade.
 Os trombadinhas corriam, gritavam brigavam e mais tudo que você possa imaginar!
 Depois de mais de CINCO HORAS lá consegui sair. E ainda faltou o titúlo de eleitor mas essa é uma degraça futura ainda
 Saindo de lá tudo que pude fazer para tentar e acalmar foi tomar uma boa Coca-Cola nessas horas é só o que me acalma. .
Cheguei em casa, almocei, tirei do fundo meu ser ânimo para fazer faxina no meu quarto já que não ia mesmo conseguir dormir e tudo isso rolou até umas seis da tarde.

 Vocês que provavelmente estão rindo da minha desgraça devem estar se pergundtando onde está a parte boa que eu mencionei. Bom, ela começa agora.

 Depois que terminei a faxina minha mãe já estava em casa. Nada demais, mais um fim de tarde comum. Nós só sentamos na sala com alguns petiscos novos que ela havia comprado, umas cervejas e uma Coca-Cola, um pouco de música e uma boa conversa.
Meu pai e eu contamos nossas mazelas do dia, e minha mãe como o dela foi melhor, nós rimos com piadas, guerrinhas e provocações que fazemos uns com os outros. E isso foi tudo!
 Só mais uma família brasileira numa quinta-feira que eu confundi com quarta adiantando a cervejinha do fim de semana e rindo entre sí. Nada grandioso ou diferente.
 Mas sabe aqueles momentos da vida em que você se destaca do quadro para poder enchergar como coisas tão simples e corriqueiras podem se tornar a melhor lembrança de todas?
 Você simplesmente esquece tudo de ruim e ri. Transforma um dia estressante em piada, conta novidades, sua mãe chorra de tanto rir porque você finalmente limpou o quarto e vai dormir. Dá um beijo em cada um e espera que o dia seguinte seja bom para todo mundo.
 É esse tipo de história que eu vou contar para os meus filhos. É esse tipo de lembrança que fica gravada de verdade.
 Esqueça o dinheiro, viagens, carros, manssões, fama. Fique com o calor que só os seus podem te dar. Acumule memórias assim e sua vida jamais terá sido vazia. De jeito nenhum.
 Me chamem de ingênua, boba, sentimental quem me conhece sabe que eu não sou, sério! mas eu acredito mesmo que essas coisas são o que realmente importa.
 De que adianta ter tudo do mundo e não ter ninguém no mundo?

 É isso aí. Se você teve paciência de ler até aqui percebeu que não planejei esse post. Só sentei frante ao computador e pus em palavras o que estava na minha cabeça como faço tantas vezes.
 O Direto da Toca 7 me forneceu uma ótima trilha e me relaxou ainda mais. Ouvi um pouco do bom e velho rock que eu amo. E assim termina o dia de uma blogueira que aprecia os prazeres simples.
 Começou extressante, ficou divertido e termina sonolento e preguisso. Haaaaaaaaaaa....
 Depois dessa só uma boa e merecida noite de sono.
 Até a próxima sobreviventes...

5 comentários:

Jim Carbonera disse...

a vida é um emaranhado de momentos simples, que temos que saber deixa-los grandiosos!

É simples assim, é nós que gostamos de complicar.

E sobre a 1º parte do post. Bem vinda a burocracia brasileira. Assim sera pela tua vida toda se morar aki.

Beijão

http://www.estilodistinto.com/

PS: e o som da toca do william tá foda de bom mesmo!

William disse...

Drielle,
Burocracia em documentação...e em plena época da informática, internet, rapidez, etc e etc. Não dá pra acreditar na demora disso. Será descado ou BuRROcracia?!?!?!?!?!
Muito obrigado por passar lá pela Toca e as músicas terem te ajudado a melhorar o dia. Me sinto gratificado com isso e minha sexta feira já começou bem. Tenho certeza que será igual para você.
Beijo.

Camila Monteiro disse...

Dri,meu dia foi porrada tb ontem... dai pra compensar fui jantar no shopping!!!
Mas o que conta pra mim é de noite sentar na sala com meus pais e xingar, rir, chorar... mas na companhia deles...
Beijos e otimasexta pr avc!

Caixa disse...

É complicado esse negocio de documentos.
É complicado essa fase de adoslecencia.
Um dia estamos bem, no outro tudo vai mal.
Um dia a familia é tudo, no outro queremos morrer.
Enfim é isso mesmo que vai contar aos seus filhos.
Bom fim de semana.

Paulo Cesar "PC"- BLOG DE TUDO UM POUCO, MINHA OPINIÃO disse...

Esse é um pais, que quando é pra ajudar o cidadão, o contribuinte, tudo é burocracia. Driele, pra discontrair um pouco, eu digo o seguinte minha querida:
lIGA NÃO, PARA DIAS MELHORES, SERENATAS VIOLÃO! Sucesso cada vez mais para o seu blog e um abraço do tamanho do Brasil pra você!

Postar um comentário